–    Existem  cerca 140 variedades entre brancas e negras. E as brancas são encontradas apenas na Itália,
–    Podem ter o tamanho de uma ervilha e chegar até o tamanho de uma laranja, as mais saborosas tem o tamanho de uma noz com casca.
–    Elas  são apreciadas desde da Grécia antiga, onde se acreditavam que eram alimentos divinos já que crescem sem serem plantados.
–    As primaveras húmidas e os Verões chuvosos europeus são os favoritos das trufas, por isso que o filósofo Teofrasto em 287 a.c já a chamavam de produtos do Trovão!
–    As trufas, assim como as vinhas preferem o solo duro, marmorizado. Eles crescem de 20 a 40 cm de baixo da terra e não aceitam vizinhos. Onde crescem trufas nada irá crescer.
–    A relatos que já aparecem em baixo de árvores como Faias, Zimbros e Salgueiros mas o mais comum, de longe, é aparecerem sob uma espécie Caravalho, os famosos Chêne Truffier .
–    Infelizmente, demoram 20 anos par este tipo Carvalho crescer e não há garantias que ele dará trufas! No entanto se ele começar a dar não será difícil de notar: gradativamente todas as flores, ervas e grama ao redor desaparecerão.
–    Elas podem ser fareijadas por cães e ou por porcos  depende da região.
–    A mais cara e fina e portanto mais cara do mundo ao contrário do que se pensa não é a branca e sim um espécie rara de negra que é toda negra por fora e por dentro.
–    Todos os anos, em Janeiro, é rezada em Richerenches na Provença, França, A missa das Trufas. Cujo objetivo é garantir perante a Deus uma generosa colheita de trufas para o ano que vem.

0o Comentários

  1. Dolores Carvalho Reply

    Adorei as curiosidades sobre este produto tão peculiar! obrigada!

Escreva um comentário