Tarte Tatin doce você conhece, eu já falei aqui da de maça e da de banana. Mas nunca falei aqui da Tarte Tatin salgada e como elas são deliciosas. Já fiz com tomates cereja, erva doce, endívias… mas a minha favorita é a Tarte Tatin de Beringela.

Normalmente, para minhas tarte tatin salgada (e doce também) eu uso massa folheada, mas você pode usar massa brisée se preferir.
Fiz essa versão mini individual pois servi de entrada com salada para amigos que vieram aqui em casa e também porque as versões minis fazem mais sucesso com crianças. Mas a receita é a mesma se preferir fazer a versão grande.

A receita é por etapas primeiro o confit de cebola e depois a  as beringelas, a preparação é um pouco longa, mas garanto que  vale a pena!
Uso pinoles porque aqui na França eles são caros mas não custam uma fortuna como costumam custar no Brasil, você pode perfeitamente substitui-lo por nozes, este ingrediente é importante nas tarte tatin salgadas pois propicia uma textura diferente na boca, e considero importante este jogo de texturas.

Esta receita faço há muitos anos e inclusive já vi gente que não gosta de beringela gostar desta torta.

Tarte Tatin Salgada de Beringela

Para 8 tarte tatins salgadas individuais ou 1 tarte tatin salgada grande

tarte tartine de beringela

– 1 massa folhada
– 3 beringelas (de preferencia LONGAS E FINAS, pode parecer preciosismo mas fica mais bonito e fácil de trabalhar)
Ervas da Provença (se não tiver faça rapidamente uma mistura de tomilho, alecrim, orégano e manjericão seco)
– Pinoles ou Nozes
– 10 folhas de manjericão fresco
– 25 g de queijo parmesão ralado

Para o confit de cebola:

– 5 cebolas
– 6 dentes de alho
– 20 folhas de manjericão fresco
– 30 g manteiga
– 3 colheres de sopa de azeite de oliva
– 4 colheres de sopa açúcar (eu gosto de usar o mascavo ou demerara)
– 3 colheres de sopa de azeite balsâmico

Começe com Confit de Cebola:

Numa frigideira grande, aqueça a manteiga e o azeite, frite as cebolas fatiadas finamente, bem como os dentes de alho esmagados. Mexa e deixe cozinhar por 10 minutos em fogo médio baixo. Tempere com sal e pimenta. Adicione o vinagre balsâmico e o açúcar. Misture e deixe caramelizar durante cerca de 8 a 10 minutos, mexendo sempre. Adicione o manjericão picado. Cubra e deixe reduzir por cerca de 30 minutos, mexendo regularmente em fogo baixo. Mantenha coberto e reserve.

Prepare as Beringelas:

Pré-aqueça o forno a 210 graus.
Lave e seque as beringelas, depois corte-as em rodelinhas de 1 cm de espessura. Tempere com sal, pimenta e azeite de oliva de ambos os lados antes de polvilhar levemente com ervas de Provence.
Coloque as rodelas em uma assadeira untada e coberta com papel alumínio e cozinhe por 1 hora (é importante cobrir senão elas vão queimar). Retire do forno mantenha-as cobertas e reserve.

Montagem:

Doure os pinoles/as nozes em uma frigideira seca antiaderente até que eles fiquem dourados e liberem seus aromas.
Nas formas de tarteletes de 8 cm de diâmetro, polvilhe uma pitada de açúcar, coloque algumas fatias de berinjela por cima (3, 4 dependendo do tamanho), cubra com uma boa colher de confit de cebola. Pique um pouco de manjericão fresco e coloque por cima. Adicione uma pitada de queijo parmesão e termine com os pinoles/nozes.

tarte tartin salgada

Desenrole a massa folhada e corte 8 discos de 8 cm de diâmetro.
Coloque-os cuidadosamente sobre a forminha e insira as bordas da massa para dentro com os dedos ou com a ponta de uma faca. Fure a massa para evitar que ela inche quando assar.

tarte tartin salgada

Leve ao forno por cerca de 25 minutos. deixe esfriar e desmolde suavemente. Sirva quente ou frio com uma salada, como entrada ou prato principal ou ainda como acompanhamento de uma carne ou complemento de uma sopa.

A compota de cebola pode ser feita em maior quantidade para ser consumida com inúmeros outros pratos, queijos, sanduíches e afins. Tenho até uma outra versão dela aqui.  

0o Comentários

  1. Amei a receita da torte de soleil e do confit de cebola. Vou fazer rapidinho. Parabéns pelas receitas maravilhosas

Escreva um comentário