Moussaka, um prato com história, uma receita divina

Moussaka (do grego, μουσακάς , do turco, Musakka, do Sérvio, мусака, do Romeno, musaca1, do búlgaro, мусака, do armênio, Մուսակա; em árabe, مسقعة…)

Podemos concluir portanto que é prato muito querido, cheio de versões Tradicional dos Balcãs e do Médio Oriente, mas mais frequentemente associado a Grécia ou Turquia.

A palavra “moussaka” vem de musaqqa’a do árabe, e significa “fresco”.

A versão mais conhecida entre nós é a grega. Ela remonta a 1910 é quando Nikolaos Tselementes, renomado chef grego da época, monta o prato em camadas de carne de carneiro picada, fatias de beringela e tomates, cobertos com um molho branco e colocadas no forno.

A moussaka turca não é em camadas alternadas; ela é preparada com pedaços de berinjela e batatas fritas, pimentão verde, tomates, cebolas e carne picada. É comido acompanhado com salada de pepino ou arroz pilaf.

No mundo árabe, moussaka é uma salada cozida feito de tomates e beringelas, semelhante à caponata italiana e geralmente servido frio como mezze.

As variantes Macedônicas, Búlgara, Sérvia, Bósnia, Montenegrinos e Romenas são preparados com batatas ou abobrinha, mas não com berinjela. E não contêm qualquer molho branco.

Em todas estas variantes, as ervas são emplamente utilizadas: orégano, tomilho, louro. Assim como as especiarias (canela, pimenta da Jamaica, pimenta preta.

Com tantas influencias e versões é difícil chamar qualquer receita de original. Portanto, fiquem aqui esta que é divina!

Moussaka, a receita do Eu Como sim
para 4 pessoas (você pode dobrar ou triplicar a receita, conforme necessário)

b5d2d693e48c115c8c96ef7bf214de6f5fa25f54-moussaka-grecque-traditionnelle

2 beringelas grandes
6 batatas médias
500 g de carne moída (se for de carneiro melhor, senão pode ser de boi mesmo)
5 tomates (se possível sem pele e sem sementes)
1 cebola
azeite
30 g de manteiga
uma colher de chá de canela
uma colher de sopa de mel
noz-moscada
sal, pimenta

Para o béchamel:
20 g de manteiga
3 colheres de sopa rasas de farinha
350ml de leite

Para o molho de tomate:
Corte as cebolas e refogue em uma panela pequena.
Adicione os tomates cortados em cubos grandes e 2 colheres de sopa de azeite, a canela, o mel, sal, pimenta, e deixe reduzir por 25 minutos em fogo médio
Enquanto o molho ferve … ataque as beringelas:
Corte a beringelas em fatias (com casca), salgue-as generosamente, coloque-as sobre um peneira e deixe a aguá sair o tempo que você prepara as batatas.
As batatas:
Descasque e corte as batatas em fatias finas.
Disponha as fatias de batata no fundo de uma travessa à gratinadar untado altoa o suficiente para caber todos os ingredientes
Regue as batatas com um pouco (3 colheres de sopa) do molho de tomates..
Leve a travessa das batatas ao forno bem forrte (grelha) por cercar de 8 a 12 (dependendo do seu forno, para que elas dourarem)
Volte para berinjela:
 Retire o excesso de sal, passe um pano umido ou um jato d’agua se for necessário. Doure as beringelas numa frigideira com uma gota de azeite e reserve.
A Carne:
Em uma panela cozinhe a carne moída na manteiga em fogo forte com, sal e pimenta e descarte toda a água soltada pela carne.
Adicione o molho de tomate e deixe reduzir, agora e fogo baixo
Neste momento, tire batata forno e regule a temperatura para 200graus.
Faça o Bechamel: 
Em uma panela pequena em fogo baixo, jogue 20 g de manteiga, adicione a farinha e misture até obter uma massa homogênea.
Incorpore um leite devagar, de pouco a pouco, sem parar de mexer, pode levar uns bons 10 minutos. Junte sal, pimenta e noz-moscada.
Começe as camadas:
Em cima das camada de batata, coloque uma camada de metade da carne com tomate, depois metade de berinjela, em seguida, a outra metade da carne, em seguida, a outra metade da berinjela, um pouco de azeite e para finalizar o bechamel.
Asse:
Leve essa maravilha ao forno a 200graus e cozinhe por  cerca de 50 a 1 hora (béchamel deve ficar dourado e crocante).

Coma como se não houvesse amanhã.
Dizem que fica ainda melhor no dia seguinte.
Aqui nunca sobrou.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>